Amor para todos

Postado em 5 de agosto de 2013


Isso me dói, ver as pessoas que amo infelizes pelo que são, e isso há muito tempo... Como queria mudar tudo, pena que não se muda os outros e às vezes apenas situações são mudadas, mas eu vou...
Uma vida de sonhos não realizados, de outra mente... Transformou-se em quê?
Em um cotidiano ridículo que eu entendo e que não chega a ser tão ruim assim só que a única coisa que ele (a) não sabe é que a mudança pode ser feita, só que é demorada demais, porque não depende apenas dele (a) e sim dos outros, na verdade de todos. Só que estamos presos ao que dizem ser a realidade e ele (a) sonha e acredita que não é como os outros, vem de outro lugar e ele (a) é, pois sua mente é encantadora como de uma criança e seus princípios são brilhantes e, além disso, também tem seu lado escuro de uma vida “real vivido por cada um”.
Eu o (a) amo, pelo que é como ser humano, pelo que faz... Às vezes não é certo, só que as coisas nunca são certas todo tempo e mesmo assim ainda o (a) amo e tenho que protegê-lo (a).
Tenho que mudar essa situação e ver além, tentar consertar o outro lado da história e olhar fundo, e são tantos lados que até fico pensando “Nossa, vou ter que olhar bem fundo e além do que as coisas são... porque são vários lados que eu vou mudar, preciso ajudar e melhorar tudo".


Nenhum comentário:

Postar um comentário