Intensidade do agora

Postado em 9 de março de 2015


Sei ainda mais o valor de agora. Fugi? Talvez sim, mas de tudo que estava me fazendo fraca, não conseguia me fortalecer mais com tudo que estava acontecendo, tudo sem parar. E então fui embora me sentir um pouco melhor comigo mesma. Me fortalecer, me ver, me entender e esquecer tudo por um tempo. Foi difícil controlar minha mente, mas depois de um esforço acabei não pensando em mais nada além do que estava realmente acontecendo e só. Via o mar e sentia as ondas, a areia, o vento e só. Comia, sentia o sabor e só. Dormia ou acordava e só. Nada mais passava em minha cabeça além do que fazia e assim o que vinha eram lições e nada mais. Sentir? Eu senti tudo, a despedida, as pessoas que estavam longe, e além disso me senti ainda mais, precisava disso e esqueci um pouco dos outros e vivi intensamente a mim. Tudo ficou mais leve, mais fácil e um pouco difícil pelos meus sentimentos e pensamentos que estavam uma bagunça, mas conversei comigo e coloquei tudo no lugar com o som do mar e depois disso nada mais pensei, apenas deixei tudo fluir com a intensidade do agora em minha vida.

Nenhum comentário:

Postar um comentário