Ainda

Postado em 22 de outubro de 2016


Ainda consigo sentir o vento em meu rosto, mas não meu coração pulsar... 
Ainda sinto o fogo queimar as velas, o seu calor, mas não com toda intensidade
Ainda sinto meu ego gritar, muitas vezes me fazer calar e pensar, assim me perturbando
Ainda consigo viver muitas coisas, momentos, sorrisos, mas acaba passando tão rápido e sinto não ter vivido, ou será que vivi? 
Tudo esta passando rápido demais, e ao mesmo tempo com muita intensidade... 
Acabo muitas vezes querendo ter a mim mesma, mas não consigo...
Acabo muitas vezes me distraindo no tempo, vivendo vários momentos, mas não sei se estou fazendo certo
Acabo pensando em fazer muitas coisas, e acabo não fazendo todas como deveria, ou me cobro demais, ou não faço?
Acabo me perdendo, mas me encontrando toda vez, que fecho os olhos e penso em mim... 
Precisa me organizar todo instante, para conseguir viver meus tantos mundos, em que devo viver... 

Nenhum comentário:

Postar um comentário