Faria tudo de novo

Postado em 7 de junho de 2017


Faria tudo de novo
Queimaria na fogueira da inquisição
Com orgulho de ser bruxa e de não ser como os outros 
Me rebelaria contra a igreja e viveria como protestante
Atravessaria o mar a uma missão divina com os templários
Lutaria em batalha por uma causa, seja perdida ou não
E em outros tempos mais antigos
Viveria entre ouro e mistérios dos deuses do Egito
Também faria todas as maldições que fiz
Quando me rebelei ao meu povo e
Amaldiçoei muitos crentes e religiosos com suas limitações
Já servi o demônio e ele foi meu amigo
E me perdi ao meu próprio eu
Mas também vi encanto nos seres da natureza
E depois percebi que o que mesmo deveria fazer
Era o outro caminho
A qual ajuda, cai e sofre
Mas que muda no sentido bom as coisas da vida
Já caminhei estradas distintas pelo mundo
E me encontrei como pessoa
No simples e perfeito sentido da natureza
Quebrei meu coração muitas vezes por amores proibidos
Fugi do que era, e neste vida me encontrei novamente
Já fiz tudo isso, e faria tudo de novo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário